Sunday, August 23, 2009

O terror da escuridão

Viajar de noite não é muito agradável, pelo menos pra mim. Eu ainda não tinha viajado durante a noite, nessas minhas poucas viagens de avião. Eu voltei para Porto Alegre ontem, sábado 22. Saí de Recife às 00h35 e cheguei em Porto Alegre de 8h - a previsão de chegada era de 7h49, horário muito aleatório por sinal. Talvez a companhia tenha colocado esse horário para convencer aquelas pessoas que gostariam de chegar antes de 7h50.

Estar tanto tempo dentro de um avião não é nada agradável, avião não é nada confortável ao menos na classe econômica, muito mais quando é de noite. Na escuridão não se tem a opção de olhar para fora da janela e ver as paisagens formadas pelas nuvens ou ver o verde do mato, as casas e prédios minúsculos, o marrom da terra ou o o verde do mar. O máximo que se ver são as luzes de alguma cidade que está no caminho. É... eu só falei de quando se está olhando para baixo... porém quando se olha para cima a noite ganha do dia, pode-se ver as estrela incomparavelmente melhor do que da terra. Mais voltando o olhar para baixo, o pior de tudo é pensar em uma suposta queda do avião - é inevitável não pensar nisso, além do mais com os recentes acidentes que aconteceram ao redor do mundo, inclusive aqui no Brasil. Só pensar na queda já é apavorante, mas quando se pensa numa queda de noite, levando em consideração que se sobreviva a queda (sempre é bom ser esperançoso...), é aterrorizante, porque não tem como enxergar se existe alguma opção viável.

Esses são pensamentos que inevitavelmente vem à mente, mesmo por curto prazo. É... eu não passei a viagem toda pensando nessas coisas. Passei boa parte do tempo tentando dormir, coisa que não consegui por muito tempo - culpa do desconforto.

Peace on you!

3 comments:

Lily said...

Pior do que isto, é passar a noite viajando TREMENDO de frio!!!!!!!!!!! Bah, é horrível! principalmente quando vocE decide deixar livros na mala maior e casaco tb pq vc acha que vai dormir! E daí simplesmente vc passa a noite olhando pro nada pq simplesmente o frio congelante do voo nao te deixa dormir! Conlusao: vc fica que nem um zumbi até o amanhacer para pousar na sua terra: RJ!
Enfim... isto aconteceu comingo vindo de REcife para RJ... blz :>

histórias da vida para contar...

Lili

Aheb said...

Ihh, relaxa, se o avião cair e sobreviver haverá incêndio, logo, tudo estará iluminado. Além disso, a probabilidade de você sobreviver à queda é muito pequena, então, nem vale a pena pensar nisso. E, caso caia e morra, você estará num lugar infinitamente melhor do que aqui, afinal, morrer é lucro! Só tem medo da morte quem tem algo a perder. Se teu tesouro está no céu, você além de nada perder, irá encontrá-lo!

Quanto à vista, nem o céu da pra ver direito pela iluminação interna refletiva no vidro (ou seja lá que material for!) da janela. Praticamente não dá pra enxergar nada... Mas só o fato de ter a vista das estrelas já se iguala à viajar de dia e ver as nuvens (afinal, a maioria do trajeto elas estão abaixo, nem dá pra ver as caxinhas e carrinhos e estradinhas :P).

E, afinal de contas, em que você queria pisar ao dizer "Pease on you!"?

Eliasibe Luis said...

Sim como a iluminação no avião a noite é maior que fora, mas nem tanto assim pra não atrapalhar aqueles que querem dormir, em um bom campo de visão tu vai ser prejudicado para ver as estrelas. Mas, porém, contudo, tudavia tu podes mudar e achar um ângulo bom e/ou colocar a mão para fazer sombra daih tu vais poder ver bem.

A moral é que quando tu tás num ambiente com vidro, numa sala pro exemplo, onde a iluminação interna é maior do que a externa. Os raios refletidos, considerando que tu estás dentro da sala, são mais facilmente visíveis por te maior intensidade em relação aos de fora.

Pois eh, a probabilidade é bem pequena de sobreviver mesmo. Mas, a minha especulação foi feita em cima da pequenina probabilidade disso acontecer. Eeuehuehu

Abraço, ateh.
o/