Monday, August 03, 2009

Só quem é nordestino entende...

Eu fui responder a uma mesagem no orkut de uma colega e encontrei no perfil dela essa pérola nordestina. Confesso que algumas coisas nem eu sabia. Entretanto, é muito bom lembrar de muitas...


Botão é pitôco
Se é miúdo, é pixototinho
Se é resto, é cotôco
Tudo que é bom é massa
Tudo que é ruim é peba
Rir dos outros é mangar
Se é franzino, é xôxo
O bobo se chama leso
E o medroso se chama frouxo
Tá estranho, tá tronxo
Vai sair, diz: vou chegar
Caba sem dinheiro é liso
Pernilongo é muriçoca
Chicote se chama açoite
Quem entra sem licença emburaca
Sinal de espanto é vôte
Se tá folgado, tá folote
Se a calça tá curta tá pega-bode
Quem tem sorte é cagado
Quem dá furo é fulero
Sujeira de olho é remela
Gente insistente é pegajosa
Agonia é aperreio
Meleca se chama catota
Gases se chamam bufa
Catinga de suor é inhaca
Mancha de pancada é roncha
Palhaçada é munganga
Desarrumado é malamanhado
Pessoa triste é borocoxô
É mesmo é iapôis
Correr atrás de alguém é dar uma carrera
Passear é bater perna
Fofoca é babado/resenha
Estouro se chama pipôco
Confusão é rolo

Peace on you!

2 comments:

Vaulttech said...

III... tá fraco... porque metade dessas expressões eu também uso e nem sou nordestino... longe disso...

Gostei da "Correr atrás de alguém é dar uma carrera". Fiquei na dúvida do que isso deveria significar, mas lembrei que aqui, "apostar corrida" (pensei que esse poderia ser o sentido do "correr atrás de alguém") a gente chama de "bater carrera". Sei lá... interpreta como quiser, daí... HAHAAHAH...

R$

Eliasibe Luis said...

"Dá uma carrera que tu pega ele!" Euehueueh Eh nesse sentido. Eh como se tu 'tivesse' atrasado em relação que tu queres alcançar.

Pois eh, isso quer dizer que estamos metade unidos, ou somos metade iguais? Eueheuehueh A verdade eh que eu tenho percebido que muita coisa em comum.
\o